Se liga! Informativo Onda Jovem

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Manifestação Anti Corrupção em Limeira.


Depois de todas as manchetes onde Limeira posou como foco de corrupção, cidadãos inconformados com os rumos políticos fizeram uma manifestação pacífica e uma caminhada simbólica saindo Parque da Cidade até a Prefeitura Municipal de Limeira, nesta quinta-feira.

Ontem, pela manhã, 12 mandados de prisão foram decretados pelo Judiciário de Limeira e todas as prisões foram feitas pelo GAECO que contou com o apoio de 15 viaturas e 80 policiais militares da ROTA, de São Paulo. Entre as prisões, a esposa e os filhos do prefeito, bem como 2 cunhadas, assessor político, contador, funcionários e laranjas. Eles são acusados de fazerem parte de uma quadrilha que enriqueceram ilicitamente, chegando ao montante de R$ 21 milhões, podendo ser maior, considerando que parte dos imóveis foram avaliados pelo valor venal e não de mercado. São mais de 25 imóveis considerados no processo.

A manifestação iniciou-se por volta da 19 horas no vão central do Museu da Joia onde os presentes puderam compartilhar sua desaprovação ao momento político que Limeira está vivendo. Várias lideranças partidárias locais estavam presente, bem como teve a participação dos vereadores Ronei Martins (PT), Mario Botion (PMDB) e Paulo Hadich (PSB).

Depois iniciou-se a marcha simbólica até a Prefeitura pedindo Justiça, resolução das investigações, punição aos envolvidos, Cassação do Prefeito Silvio Félix e renovação política de Limeira.

Vários momentos marcaram a caminhada, como as músicas e gritos de guerra, o silêncio respeitoso quando o grupo passou em frente Velório Municipal, a manifestação espontânea das pessoas nas ruas buzinando seus carros, gritando apoio, bradando conjuntamente os gritos de guerra e cantando o Hino Nacional Brasileiro.

A manifestação encerrou-se defronte à Prefeitura Municipal com a queima simbólica de dois bonecos representando o prefeito municipal, Silvio Félix e a primeira-dama Constância Félix, ambos do PDT de Limeira.

Ficou acertado pelos manifestantes presentes o trabalho de conscientização da população de Limeira, para estarem presente na próxima sessão da Câmara de Limeira, para fazer pressão junto aos vereadores para que instaurem uma Comissão Processante (CP) e não uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI). A grande diferença entre ambos é que a Comissão Processante pode afastar o prefeito de suas funções para facilitar o processo de investigação, bem como a intimação do prefeito para que preste esclarecimento acerca das denúncias.

Pede-se que a população de Limeira vá até a Câmara de Limeira, na próxima segunda-feira, dia 28 de novembro, vestindo preto e com o rosto pintado. Convida-se também que as pessoas vão com o rosto pintado de verde (simbolizando a cor da grama vendida pelas empresas do prefeito) e com vassouras, como símbolo de limpeza da corrupção em Limeira.
 

Um comentário:

  1. e isso ai!!!!..... fora com prefeito toda sua corjaaaaaa.... Tem mais coisas por ai é so investigar.... MP....principalmente na Saúde... tem tbm parentes do Ricko...dentro da prefeitura.... ainda!!!. continue a investigar ...vão achar muito mais....contamos com os vereadores e o MP...

    ResponderExcluir